Sinais de mudança

Futuristas costumam dizer que os sinais do futuro já estão aí. Um pequeno grupo de pessoas começa a pensar e agir de uma determinada maneira. Aos poucos, se esse movimento cria força suficiente, depois de um tempo o novo comportamento é adotado coletivamente. 

Um desses sinais pode ser percebido na Tokyo Nutrition for Growth Summit em dezembro de 2021. Neste evento, investidores como UBS e PIMCO, que administram juntas US$ 12,4 trilhões em ativos, pediram a governos e empresas que acelerem as mudanças para promover alimentos e bebidas mais saudáveis. Os investidores reivindicaram aos formuladores de políticas que usem medidas fiscais e regulatórias e que as empresas de alimentos e bebidas se comprometam a relatar anualmente as vendas geradas por produtos saudáveis. Os investidores então usariam essas informações para orientar suas decisões de investimento. Se a moda pega, e as empresas não se ajustarem, o preço da mal nutrição pode vir a recair sobre aquelas que produzem alimentos nocivos à saúde. (leia a matéria abaixo)




Investors push food & drink companies, govts over 'nutrition crisis'
por Simon Jessop
Reuters
Dezembro, 2021


LONDON, Dec 7 (Reuters) - Investors managing $12.4 trillion in assets on Tuesday called for governments and companies to accelerate the shift to promoting healthier food and drink to help fix what they described as a "global nutrition crisis".

Poor-quality diets are a leading cause of death and disease and carry individual, societal and economic costs that impact the value of their holdings, 53 investors said in a pledge at the Tokyo Nutrition for Growth Summit 2021.

The investors, including PIMCO and UBS Asset Management, urged policymakers to use fiscal and regulatory measures to help support healthy packaged food and do more to meet the nutrition targets laid out by the World Health Organisation.